3 Dicas Práticas para Agilizar seu Processo de Importação

Já comentamos aqui no blog sobre como sabemos que o início do processo de importação pode ser desafiador. Além de termos pouco conhecimento para quem não está acostumado com o setor, são diversos os procedimentos existentes. No texto 6 Dicas para começar a importar da China oferecemos uma visão geral de como começar a importar.

Dando continuidade a esse assunto decidimos reunir 3 dicas práticas para agilizar seu processo de importação.

  • Certifique-se de que todos os procedimentos necessários para iniciar foram concluídos

No texto: Lista de Procedimentos Para Começar a Importar, listamos todos os procedimentos necessários para quem está começando. Vale conferir se tudo foi concluído adequadamente para não encontrar surpresas no decorrer do processo.

Se restar alguma dúvida vale procurar um profissional do mercado como um despachante ou agente de carga. Também dedicamos um conteúdo específico no blog para te ajudar a pensar se vale contratar um despachante aduaneiro ou não.

  • Alinhar todos os Fornecedores

Em alguns casos empreendedores utilizam o serviço de 3 fornecedores para dar andamento ao seu processo de importação. Esses fornecedores normalmente são: Despachantes, Contadores e Agentes de Carga.

Se esse é o seu caso, vale alinhar muito bem com cada um qual tipo de produto pretende importar. Além disso, entenda muito bem com cada um quais implicações e necessidades cada parte do processo implica. Dessa maneira você não terá muitas surpresas.

Além disso, esses profissionais podem te ajudar a estruturar a melhor estratégia de importação para o seu caso. Isso pode te ajudar a economizar quantias relevantes no processo.

  • Reúna informações necessárias para o cálculo de importação

Algumas informações são extremamente necessárias para iniciar os primeiros cálculos de importação. Por isso, reúna essas informações e deixe tudo preparado para iniciar os cálculos.

Segue uma lista básica de informações que te ajudarão a agilizar o processo:

  1. NCM ou descrição do produto
  2. Incoterm / Local
  3. Local de origem e destino
  4. Peso e Medidas (totais)
  5. Valor da mercadoria

Essas 3 dicas parecem simples, mas podem ajudar muito a agilizar seu processo de importação. Muitas vezes por uma simples falha de comunicação com as partes envolvidas você pode encontrar complicações ou entraves no meio do caminho.

Além disso, aproveite bem os serviços de seus fornecedores. Muitas vezes por conhecerem bem o segmento eles podem te ajudar a pensar na melhor maneira de tornar a sua importação mais rentável.

Não esqueçam de deixar comentários!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.