Guia Para Importar Alimentos E Bebidas

Importar alimentos e bebidas vêm se tornando um mercado cada vez mais crescente, que atrai muitos comerciantes em busca de produtos exóticos e diferenciados que possam oferecer para seus clientes.

Mas diferente de alguns produtos, os alimentos e bebidas devem passar pelos critérios técnicos da Anvisa, para que o comerciante possa comercializar de forma certa e segura, garantindo a qualidade para o consumidor.

Mas para investir nesse empreendimento, é necessário descobrir algumas das exigências necessárias para que você faça de uma forma segura e seguindo as diretrizes da Anvisa, órgão responsável por esse setor no Brasil.

Para isso, nós vamos te passar esse guia para que você saiba de uma vez por todas quais são os cuidados ao importar alimentos e bebidas, e quais são as principais exigências da Anvisa sobre o assunto.

Importar alimentos e bebidas: Como selecionar fornecedores?

Quando falamos em importar alimentos e bebidas, o primeiro ponto que deve ser analisado com cautela para que você tenha sucesso nesse empreendimento, é o fornecedor que você irá escolher para atender a sua demanda de produtos.

Você pode identificar esse fornecedor de diferentes maneiras: Por representante comercial, feiras ou sites especializados em importação de alimentos e bebidas.

É importante negociar bem o preço de importação com o fornecedor, assim como a garantia que ele tem a capacidade de lidar com a demanda de produtos que você precisa, e também com a qualidade que seus clientes esperam.

É importante lembrar que assim como fornecedores nacionais, os fornecedores estrangeiros também devem cumprir com as leis da Anvisa que garantem a qualidade sanitária dos alimentos e bebidas. Verifique também se seus fornecedores já possuem homologação / registro na Anvisa, pois isso é exigido para alguns tipos de alimentos.

Quais são os cuidados burocráticos que devem ser tomados ao importar alimentos e bebidas?

Todos os alimentos e bebidas que são importados devem passar pela análise e aprovação de um órgão responsável, a ANVISA- Agência Nacional de Vigilância Sanitária. A ANVISA faz sua fiscalização em locais de entrada e saída do país, como portos e aeroportos.

Sua fiscalização tem o papel de controlar a qualidade dos alimentos e bebidas que são importados, para que apenas produtos dentro de um criterioso padrão de consumo cheguem até as pessoas que irão utiliza-los.

Além da fiscalização da ANVISA, existe outro órgão que também atua na fiscalização e inspeção destes produtos. Este órgão é a MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Ao importar alimentos e bebidas deve ser levado em conta, por exemplo, o padrão de qualidade da embalagem e outras exigências para seu transporte seguro.

O que um produto deve possuir para ser importado com segurança?

Existem algumas exigências que permitem que o alimento ou a bebida mantenham seu padrão de qualidade:

Padrão de embalagem

A embalagem deve conter informações básicas e necessárias para o armazenamento ideal:

  • O nome do produto com todas as informações e o seu país de origem;
  • Quais são os cuidados necessários de armazenamento para manter o produto com sua qualidade original;
  • Quais são os ingredientes e matéria-prima utilizados para produzir o alimento ou bebida;
  • Rótulo aprovado e registrado de acordo com as normas brasileiras;
  • Data em que o alimento foi embalado e até quando ele pode ser consumido.

Modo como será importado

O modo como será transportado também é um dos principais meios de manter o produto sem danifica-lo. É muito importante seguir as recomendações da embalagem e de seu produtor. Entender, por exemplo, se o produto precisa ser acondicionado dentro de um intervalo de temperatura específico, ou umidade, entre outros fatores.

Importar alimentos e bebidas requer muito cuidado e atenção, levando sempre em conta os requisitos para serem importados e todas as recomendações dos órgãos responsáveis. Pode ser interessante buscar especialistas para auxiliarem no processo e garantir que tudo ocorra da melhor forma possível.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.