Logística Integrada nos Processos de Importação

Empresários que desejam investir na importação devem estar atentos a uma série de procedimentos e burocracias. No entanto, tudo pode ficar mais simples com a logística integrada.

Para entender melhor o que esse termo significa na importação continue lendo este artigo. A seguir, você vai encontrar as principais informações sobre o tema.

O que é logística integrada

Logística integrada consiste em unificar a gerência da cadeia de suprimentos de modo mais estratégico. Dessa forma, além de abranger setores como estoques e transporte, o procedimento também aborda as atividades de compra, armazenagem, processo produtivo e outras.

Com isso, é possível integrar os processos de uma empresa. Inclusive, quando um influencia o outro, evitando, assim, o desperdício de tempo e o desencontro de informações.

Afinal, a logística integrada proporciona ainda a gestão do fluxo de informações, a fim de torná-la mais dinâmica e podendo ser compartilhada ao longo da cadeia. Já quando se fala em logística integrada na importação, pode-se verificar outros benefícios para o seu negócio.

Isso porque, com a logística integrada, os envolvidos na importação conseguem compartilhar informações em tempo real e identificar em qual etapa está o transporte das mercadorias. Assim, organizar com eficiência todos os setores da sua empresa de importação e exportação.

Aliás, o sistema integrado na importação poderá contar com um único agente aduaneiro, que conseguirá administrar todas as etapas do processo.

Quais os benefícios da logística integrada

As vantagens da logística integrada na importação são muitas. Acompanhe as principais:

  • Maior assertividade para a tomada de decisões, pois se baseia em informações sólidas;
  • Maior agilidade e segurança nos processos que envolvem a importação, aumentando o poder de competitividade da empresa junto à concorrência;
  • Redução dos custos operacionais, já que, com um agente logístico, é possível obter fretes e armazenagem com melhores preços;
  • Menor risco de ter que pagar por multas oriundas do descumprimento de normas, mesmo que por descuido;
  • Permite que a sua equipe seja mais produtiva e focada no trabalho, devido ao auxílio do profissional especializado contratado para a logística integrada;
  • Melhor cumprimento de prazos, uma vez que é possível monitorar cada uma das etapas da importação;
  • Prevenção de problemas alfandegário, devido à análise prévia da documentação e a classificação de toda a operação logística.

Quais as etapas do processo

As etapas que formam a logística integrada na importação são as seguintes:

  • Recolhimento da carga na origem;
  • Transação de fretes internacionais com companhias marítimas e aéreas;
  • Preparação dos documentos aduaneiros;
  • Contratação de seguros necessários;
  • Transporte rodoviário até o porto ou o aeroporto de embarque;
  • Trâmites no terminal alfandegário;
  • Desembaraço aduaneiro;
  • Entrega dos produtos no destino final.

Como você pode ver, as etapas que envolvem a logística integrada devem ser detalhadas. Desse modo, o procedimento garante a sua empresa um planejamento completo e organizado. E mais adequado, de acordo com o desenrolar de cada fase da importação.

Como contratar o serviço

Contratar uma empresa especializada em comércio exterior é a maneira mais assertiva de aplicar a logística integrada às importações da sua empresa. Afinal, desse modo, é possível unificar todas as etapas pertinentes ao procedimento.

Terceirizar essa atividade também permite uma assessoria especializada, inclusive, no que diz respeito à viabilidade logística das suas compras em outros países.

Além disso, o serviço pode ser contratado de uma única empresa ou cada etapa pode ser contratada separadamente. Isso dependerá da sua preferência ou da demanda de sua importação. Para entender quais os profissionais envolvidos na importação, acesse aqui.

Para saber mais sobre o assunto em questão, continue acompanhando o nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.